Unidade Tatuapé

Colégio Santa Amália Tatuapé realiza atividades desafiadoras sobre racismo e alimentação saudável

Colégio Santa Amália Tatuapé realiza atividades desafiadoras sobre racismo e alimentação saudável

Em 2020 a Escola precisou se reinventar, mas não perdeu o seu objetivo: proporcionar oportunidades e desafios para que o aluno aprenda a aprender, desenvolva sua autonomia  e seja protagonista de sua própria aprendizagem.

Para tanto, trabalhamos as competências e habilidades necessárias para a formação integral do aluno e sua inserção no mundo globalizado.

Dentre as atividades desenvolvidas no Middle e High School, por exemplo,  selecionamos duas delas:

High School 

Identidades afro-brasileiras (projeto desenvolvido pela professora de língua portuguesa Amanda Casemiro)

Esse projeto teve como foco a ampliação da percepção dos alunos a respeito da presença da cultura negra na nossa formação como povo, como cultura.

A questão da negritude, do racismo e do valor da contribuição negra na nossa formação cultural foi destacada em todas as frentes de Língua portuguesa – seja nos temas de leitura/produção de texto; nas discussões sobre a expressão linguística ou sobre a literatura (quando ela fala ou silencia a voz negra) o tema foi constantemente abordado ou problematizado nas aulas de português.

Middle School 

Fitossanidade e a alimentação saudável (projeto desenvolvido  pelas professoras de ciências Elismara Brito e de Science Juliana Correia, além da participação do professor de educação física Luiz Fleck)

A importância das plantas em nossa dieta e nos processos ecossistêmicos.

Foram discutidos conceitos importantes trazidos pela UNESCO em 2020, abordando direta ou indiretamente conceitos como uma alimentação saudável, a fitossanidade e a importância da preservação ambiental. O trabalho conectou conceitos como a importância de hábitos saudáveis (alimentação e exercícios), impactos que nossa alimentação podem causar em escalas globais ou individuais, bem como abordar discussões sobre as causas e consequências de distúrbios alimentares e padrões impostos pela sociedade.

Os alunos apresentaram os resultados de formas diferentes para cada um dos componentes curriculares.

O trabalho final elaborado em SCIENCE foi a construção de um PADLET propondo a reflexão sobre o impacto ambiental causado por diferentes tipos de dieta e suas  qualidades nutricionais.

 

Galeria de fotos

Artigos Relacionados